Mitos e Verdades sobre o Whey Protein

Existem outros benefícios proporcionados pelo suplemento além do ganho de massa muscular?

Sim! Por conter todos os aminoácidos essenciais em grande quantidade, as atividades imunológica, antimicrobiana e antiviral do organismo podem ser beneficiadas. O suplemento pode reduzir a incidência de doenças e pode ser consumido por pessoas com sistema imunológico deficiente.

É preciso praticar atividade física ou esporte.

Mito. O uso do Whey Protein também é recomendado para indivíduos que não conseguem atingir as recomendações alimentares de proteína, por meio de uma dieta convencional.

Existem variações do produto para diferentes objetivos?

Sim. Existem três tipos de whey protein no mercado. Concentrado: Contém 89% de proteínas que passam por um processo de filtração menos eficiente, ou seja, este tipo de proteína ainda leva um tempo maior para ser absorvida pelo organismo por conter gordura e lactose. Isolado: contém mais de 90% de proteínas que passam por um processo de microfiltração, ou seja, filtros menores são utilizados para o refinamento da proteína que é melhor absorvida pelo organismo por não conter carboidrato e gorduras. Absorvemos cerca de 90% desse whey protein devido ao seu grau de pureza. Hidrolisado: há a quebra das moléculas de proteínas em peptídeos menores por processos enzimáticos ou químicos. A absorção desse tipo de whey é a mais eficiente, pois o nosso organismo absorve aproximadamente 100% dessa proteína de forma rápida.

Deixe um Comentário